Segunda-feira, 29 de Março de 2010

Poesia

 A Primavera!

 

 

                                                              Já chegou a Primavera,

                                                              Segundo marca o calendário.

                                                              Mas a chuva continua,

                                                              Tem sido o nosso cenário.

 

                                                              Andorinhas, onde estão

                                                              Que não as ouço cantar?

                                                              Será que já regressaram?

                                                              Não as vejo esvoaçar!

 

                                                              Primavera bonita,

                                                              Minha estação preferida!

                                                              Tem lindos dias de sol,

                                                              É a época mais florida.

 

                                                              Este ano está diferente,

                                                              Mas sei que há-de mudar.

                                                              Vem depressa, Primavera!

                                                              Porque tardas em chegar?

 

 

      A Natureza

 

 

                                                               Estimemos a Natureza,

                                                               Nossa amiga sem igual.

                                                               Há muitos que a esquecem,

                                                               E a tratam muito mal.

 

                                                               É dela que vem a água

                                                               E o ar que respiramos

                                                               Não falando de outros bens

                                                               A que nos habituamos.

 

                                                               Mas… não é inesgotável

                                                               Esta fonte natural

                                                               Vamos todos estimá-la

                                                               No Mundo e em Portugal.

 

                                                               Miguel Ramos (6º 7ª) e avó Rosário

publicado por CREeb23bocage às 01:45

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre nós

.pesquisar

 

.Junho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Poesia

.arquivos

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.Ligações úteis

.Contacto

becre.eb23bocage@gmail.com

.Visitas

desde 2008/10/02